Pisa

Escrito por Emanuele Soto

Na Toscana, temos uma das cidades mais conhecidas da Itália, Pisa. A famosa torre inclinada é motivo de visita de inúmeros turistas todos os dias.

Estivemos algumas vezes na cidade, sozinhos e acompanhados, mas sempre de passagem, obviamente a cidade tem muito mais a oferecer além da Piazza dei Miracoli (Praça dos Milagres), onde estão a Torre, o Duomo di Santa Maria Assunta, o Batistério e o Camposanto. Porém mesmo para quem está de passagem pela cidade vale a pena dar uma passadinha para conferir de perto.

A entrada da Praça dos Milagres já é imponente, dali você já começa a se preparar para o que vai encontrar. Confesso que fiquei impressionada com a inclinação da torre, eu achava que era menor, mas pessoalmente é incrível. Você tem a opção de pagar um ticket e subir os oito andares da Torre, mas fiquei satisfeita em vê-la de perto. Além de custar 18€ por pessoa para subir, suba se estiver preparado para a escada em espiral de 215 degraus, lembrando que os tickets podem ser comprados na bilheteria oficial dentro da praça e tem horário marcado, perdeu hora perdeu a vez, pois o número de pessoas dentro da torre é controlado.

Pra quem não sabe, a Torre foi projetada para abrigar o sino da catedral de Pisa, em 1173 iniciaram as construções porém por conta do terreno de argila e areia, não demorou muito até que ela começasse a inclinar. Tentaram compensar construindo outros andares mas o peso só contribuiu com a inclinação. Durante os próximos séculos tentaram diminuir a diferença porém ela só aumentava, até que em 1990 ela foi fechada para o público com risco de queda. Só em 1997 foi aprovada uma nova obra para salvá-la, essa obra terminou em 2011, onde finalmente a Torre foi reaberta para visitação.

Na mesma bilheteria que se compra o ticket para subir na torre, você adquire tickets para o Batistério, o Museu e a Catedral, sendo que o da Catedral é gratuito porém é obrigatório retirar o bilhete com horário. Dependendo da época do ano que você estiver viajando se prepare para encarar filas como por exemplo no verão europeu. Aliás a época do ano também influencia no horários de abertura, no outono e inverno eles são reduzidos.

Na primeira vez que estivemos em Pisa, não tivemos tempo de entrar na catedral, mas em uma segunda oportunidade pegamos o ticket e finalmente conhecemos. Quer saber? quando voltei em Pisa fui novamente de tão incrível que ela é! Na minha opinião é uma das mais bonitas que já visitamos, então não deixe de conhecer. Sua construção teve início em 1064.

Você pode escolher qual dos monumentos gostaria de visitar: o Batistério, o Camposanto e o Museu delle Sinopie. Estes são pagos e podem ser visitados com ticket avulso ou conjunto. No site https://www.opapisa.it/biglietti/prezzi/ você poderá conferir os preços, dá pra comprar pela internet ou diretamente na bilheteria local.